terça-feira, 16 de agosto de 2016

Perdoa

Filha, perdoe-me por não ter te dado a família perfeita.

Perdoe-me por todos os passeios que você não foi. Por todos os presentes que não pude dar. Por todas as viagens que não pudemos ir.

Perdoe-me por toda falta de tempo. Por tanta falta de paciência. Pelas brincadeira que me chamou e não participei.

Perdoe-me pelas poucas vezes em que fomos a pracinha. Pelas músicas que não dançamos juntas. Pelas vezes que não deixei você pintar minhas unhas.

Perdoe-me por ter gritado com você. Por ainda não ter chorado pra você ver. Por não termos dormido abraçadas o suficiente. 

Filha, perdoe-me por você não ter irmãos. Eu sei o quanto quer que eu te dê um...


Nenhum comentário:

Postar um comentário