sábado, 4 de dezembro de 2010

Uma lição de filha para pai.

Aconteceu o seguinte episódio hoje durante o café da manhã:

A princesa já acorda pedindo pra colocar o CD do Akon, seu cantor preferido e seu modelo de beleza.

O papai já começa a provocá-la:

- Negão é feio, amorzinho! Tem que gostar de “branquinho”! Loiro de olhos verdes!! Esse é feio!

Ela responde com desdém:

- Ele é bonito! É lindo!!

E o papai continua provocando...

- Ele é feio, sim! Você tem que gostar de loirinho!!

Aí ela responde “na lata”:

- Mas eu gosto de todas as cores, né mamãe?!

Tomou papudo?!? Não!!! Ele não desistiu...

- Branquinho que é bonito! Negão é feio!!

Então, papaizinhho leva o golpe final. Apontando pro próprio rostinho, ela responde:

- Mas eu gosto do que está por dentro!!!

Papai mereceu, não é não???

**************************

Em tempo:

Papai só queria provocar a ira da princesa, mas pesou a mão na brincadeira...
Porém, o bonito disso tudo, foi a própria princesa passar um sabão nele.

Adorei!!

Essa menina ainda me mata de tanto orgulho!!